Minha transição capilar #SoltaOsCachos

FotorCreated
Olá, gente !! Hoje eu venho falar sobre um processo meio complicado (pelo menos para mim está sendo), a transição capilar. Para quem não sabe, transição capilar é quando você deixa de utilizar processos químicos no cabelo e deixa ele natural. Bem, eu utilizava química de relaxamento (do salão Beleza Natural) a pelo menos 10 anos e alguns meses, comecei mais ou menos com 6 anos de idade e parei no início desse ano (2016), com 17. Segundo a minha mãe, ela começou a me levar ao salão para reduzir o volume do meu cabelo, já que ela dizia que ele molhado ficava lindo e quando secava ficava tipo juba de leão. Eu não posso confirmar e nem desmentir a história, até porque eu não tenho nenhuma foto minha com menos de 6 anos com o cabelo solto, apenas um rabo de cavalo com cachinhos. E até os 3/4 anos de idade meu cabelo era liso, então eu realmente não sei como ele é sem a química de relaxamento.

Eu estou a 6 meses sem fazer o relaxamento e foi só agora que minha ficha caiu de que estou em transição, achava que somente pessoas que haviam feito progressiva que entravam no processo e que só elas deveriam fazer o Big Chop (BC = Grande corte, onde você tira toda a parte com química de uma só vez). Quando eu caí na real, e vi que também estava sujeita ao BC, entrei em desespero, porque meu sonho é ter cabelo grande, já que ele sempre foi no máximo na altura dos ombros, inclusive eu estava fazendo o projeto rapunzel desde o final do ano passado, então para mim foi realmente um choque ter que cortar o cabelo de forma radical. Mas depois passei a pesquisar mais sobre a transição, sobre meninas que estão ou que passaram por ela e vi que o BC não é obrigatório, que só deve realizá-lo quem realmente tem certeza de que quer fazer, então resolvi que não irei fazê-lo, vou cortando as partes com química aos poucos, até porque como o relaxamento “não tira os cachos”, meu cabelo vai continuar cacheando, só terei que disfarçar as duas texturas, mas isso por enquanto não está sendo um problema (estou com 3/4 dedos de raiz natural). Acho que meu maior medo, quando comecei, além do big chop, era o tipo de textura que meu cabelo ficaria quando ficasse natural, porque quem tem cabelo crespo/cacheado sabe que a textura tipo 4, que são essas aqui, sofrem muito mais preconceito do que as demais, mas agora isso não é mais problema, eu quero meu cabelo natural independente de como ele seja e não estou aí para o preconceito alheio, eu sempre achei que nasci para derrubar preconceitos (algum dia falo sobre a minha vida, numa espécie de “Draw my life”, haha), então é isso que quero.

Se você tem medo de entrar em transição, eu sugiro que você veja histórias de meninas que também estão ou que passaram por ela e converse com algum amigo (eu conversei sobre tudo isso com meu namorado e o apoio dele está sendo super importante para mim, obrigada por tudo meu gato <3333, seu companheirismo me faz te amar cada dia mais e mais), ter alguém do seu lado durante esse processo é muito importante, mas se você não tiver algum conhecido que possa contar, saiba que existem muitos grupos sobre transição e que eu também estou aqui (quer dizer, eu respondo melhor lá no meu Instagram, que é @thay_pinheir0, e também no Google+, no grupo de crespas/cacheadas que eu criei por lá) para ajudar vocês <33. Então é isso meninas, vou deixar vocês com a inspiração da Bruna Caixeiro, que com 2 anos de cabelo natural (se não me engano) tá com um cabelon lindo quase na cintura:

maxresdefault
Eu ia por mais imagens, mas as que eu achei não ficaram legais aqui no WordPress, mas vou por todas lá no Espaço das Crespas/cacheadas.

~> Então é isso, espero que vocês tenham gostado do post;
~> Bjs e até a próxima :*.

Anúncios