Resenha: Wayne de Gotham

IMG_20160729_123235705_HDR
Oi, galera !! Vim iniciar o projeto fotográfico Um livro por semana, que comentei lá no outro post sobre projetos fotográficos (dá uma conferida lá para entender :P). E o livro escolhido foi um que estou para ler faz tempo viu, Wayne de Gotham. Bora falar do livro ?

IMG_20160729_124646148
O livro, inicialmente, parece falar das aventuras que Bruce tem quando está em sua fantasia de homem-morcego, mas com o andar da história, quando Batman decide investigar a morte de seus pais, a trama se divide entre passado e presente, e então Bruce começa a descobrir mais e mais segredos da sua família ao longo dessa investigação, mas para concluí-la, terá que derrotar antigos e novos inimigos.

Agora minha humilde opinião. O livro começou meio confuso, eu fiquei boiando, o que me deixou meio desinteressada por ele a princípio, mas continue a leitura e comecei a gostar. Dois detalhes me chamaram atenção: 1. Como a história é narrada por um narrador onisciente (que não está na história mas que sabe o que os personagens pensam e o que falam), ela é muito detalhada sabe, me lembrou até as literaturas antigas. Mas tenho uma hipótese de que o cenário seja bem detalhado porque as histórias do Batman estão originalmente nas HQ’s, e lá o leitor pode ver a cena, sem precisar de detalhamento, então, talvez o autor tenha tentado passar a mesma estrutura para seus leitores. 2. O livro tem uma estrutura ao mesmo tempo que não parece e que parece um diário, porque as divisões entre passado e futuro são sempre marcadas por local, data e hora. A história em si, para mim, começou a ficar naquele ponto que não dá pra largar o livro só nos últimos capítulos. Mas eu gostei bastante do final e a história me fez ficar muito triste com/pela família Wayne e principalmente pelo Bruce #QuaseChorandoSóDeLembrar. Foi uma leitura totalmente diferente das que estou acostumada e depois dela estou até pensando em dar uma olhada naqueles livros que deixei de lado porque tinham muitos detalhes ~e que eu os achava um tédio por isso~.

Agora vou deixar vocês com as fotos que eu fiz com o livro (já que é um desafio fotográfico né, haha). Durante a sessão de fotos com o livro, tive a ideia de tirar fotos que parecessem que o morcego está voando ou fotos no escuro ou com sombra (já que o Batman é o Cavaleiro das Trevas), então espero que vocês gostem :).

IMG_20160729_124241955IMG_20160729_123307791_HDRIMG_20160729_123509205
IMG_20160729_123808217

~> Se você ama o homem-morcego assim como eu, espero que leia o livro (se não for, eu espero que leia também, viu).

~> Mas é isso gente, espero que tenham gostado, que sigam o projeto também e é isso, bjs e até mais :*

Anúncios

Diy: Marcador de páginas #3

IMG_20160705_105806081_HDR
E aí, galera !! Prometi trazer mais tipos de marcador de páginas e cá estou eu cumprindo a promessa, hihi. Antes eu quero avisar que o post anterior de marcadores (esse aqui) foi atualizado, acrescentei algumas coisinhas nele então vale a pena dar uma conferida !.

O diy de hoje é muito simples e rápido, antes de falar os materiais, vamos a algumas observações. Os marcadores da foto acima foram feitos com base no tutorial e conteúdo disponibilizado pelo Blog Elaine Turola. Eu encontrei uma forma mais fácil e rápida de fazer o passo a passo, mas mesmo assim peguei o molde dela e editei para mostrar a vocês (estou dizendo isso só para dar os devidos créditos, tá bom gente ? [: ).
Capturar12kvdffd♥  Lápis
♥  Borracha
♥  Régua
♥  Papel ofício/cartolina (branco ou colorido) *ou vocês pode fazer igual eu fiz na primeira imagem, colorir com lápis de cor os quadrados que irá usar*
♥  Tesoura
♥  Cola
♥  Criatividade (esse não dá pra comprar hein, haha)

passo a passoPrimeiramente vocês vão precisar fazer o molde do marcador. Basta fazer um quadrado (ou seja, escolher uma medida e fazer todos os lados com ela) e demarcar essas linhas como na imagem.
Angry Birds_Gabarito
Eu pus “14 cm” na imagem mas vocês podem fazer com 10 cm, 12 cm, vocês que escolhem, eu fiz com dois tamanhos (10 e 14) para mostrar a diferença (eu já tinha um com 12 cm).

Passo 1: Faça os moldes no tipo de papel que você escolheu (na esquerda está o molde com 10 cm e na direita o com 14 cm);
Passo 2: Recorte o molde. Lembre-se: você vai cortar um quadrado + a metade de outros dois quadrados; *Detalhe na foto: olhem a minha baby querendo pegar a tesoura*
Passo 3: Dobre as pontas de forma que fique em pé, como na imagem;
Passo 4: Dobre uma ponta;
Passo 5: Dobre a outra ponta por cima e cole;
E está pronto [: .

Comparação entre os tamanhos:
imagem 7
Algumas inspirações do Pinterest:

~> Espero que tenham gostado do DIY e que tentem fazer (qual é galera, esse é bem fácil);
~> No Pinterest vocês encontram muitas outras inspirações, vale a pena ter uma conta por lá;
~> Até a próxima [;.

Resenha: Plutão

IMG_20160322_141258635
Oi, gente !! Hoje eu trouxe mais um capítulo solto do livro Extraordinário. Recentemente eu descobri que esse e outros dois capítulos (O capítulo de Julian e Shingaling) estão juntos no livro “Auggie e eu, três histórias extraordinárias”, se você quiser comprar é só por o nome no google que ele vai aparecer na Saraiva, Americanas, Submarino, entre outros, numa média de preço de R$ 17,43-17,90. Eu estou fazendo resenhas separadamente porque eu não sabia que todos estavam reunidos no mesmo livro ~sou muito lerda~, hahaha.

Em Plutão, o narrador é Christopher, um amigo de infância (de bebê, haha) de Auggie. A história é o decorrer de um dia do Chris, onde ele relembra a época que conheceu August e tudo que eles passaram juntos e isso o faz perceber algumas coisas (que não vou contar porque se não será spoiler, haha).

IMG_20160322_141325178
Eu achei o livro muito bom e assim como os outros ele também passa uma mensagem (contém spoiler) sobre a valorização da amizade (além do respeito que se deve ter frente a pessoas que não possuem uma aparência tão comum) e o interessante é que ela vem de uma criança, sendo que nem nós, “mais crescidos”, paramos para pensar nisso. Super recomendo a leitura.

~> Espero que tenham gostado do post e até a próxima :*.

Resenha: O capítulo do Julian

IMG_20160305_111253770
E aí, galera ! Quem aí leu Extraordinário ? Aquele livro mara sobre a história do August, um menino com uma síndrome genética que causa uma deformação facial e que por conta disso ele nunca havia frequentado uma escola antes, até que seus pais decidem o matricular em uma, causando uma enorme mudança na vida não só de August, mas como de todos os envolvidos. Aqui no blog tem uma resenha completa sobre o livro, caso não tenha visto, clique aqui (percebi agora que essa foi a 1° resenha do blog !!).

Bom, durante todo o livro principal algumas personagens ganharam voz em capítulos individuais. O capítulo do Julian é como um desses, ele é narrado por Julian e contém explicações sobre o porquê do comportamento dele no primeiro livro ser tão maldoso. Cabendo ao leitor a missão de perdoar ou não Julian.

O capítulo é curto, tem menos de 100 páginas, e é bem interessante, eu recomendaria a leitura para uma criança, porque acho que ele traz uma boa mensagem sobre respeitar a diversidade (assim como no outro livro) :).

IMG_20160305_111318897_HDR
IMG_20160305_111216142_HDR
O post vai ter poucas fotos pelo mesmo motivo do outro, estou sem a versão física :(, mas espero que tenham gostado do post e se interessem por essa continuação.

~> Nota de 0 a 5 ? 5, claro, hahaha.

~> Até a próxima, gente :*

Resenha: Como eu era antes de você

resenha1
Oi gente ! Hoje eu trouxe a resenha de um dos livros que marcaram minhas férias, mas antes vou comunicar que o post não terá fotos por motivos de: não tenho o livro física, haha, vamos lá.

Como eu era antes de você é um romance da Jojo Moyes que de clichê não tem nada. O livro fala sobre a vida da Lou, uma adulta sem ambições que trabalha em uma cafeteria para ajudar nas despesas de casa. A vida dela era completamente normal, tinha uma família, um namorado, um emprego estável, até que a cafeteria fecha e ela se vê obrigada a procurar outro trabalho com um bom salário. Daí sua vida se cruza com a de um milionário tetraplégico mal-humorado, fazendo tudo virar de cabeça para baixo e mudar completamente.

Bom, eu achei o livro bem interessante, como eu disse acima ele não é clichê e a partir de um ponto não dá mais vontade de parar de ler. Minha opinião vai ser curta porque é muito difícil falar sem deixar escapar nenhum spoiler, hahaha. Enfim, gostei muito e em breve farei resenha da continuação (Depois de você).

~> Se eu fosse dar uma nota de 0 a 5 para o livro, daria 5;
~> Espero que tenham gostado e até a próxima :*.

Resenha: O amor mora ao lado

IMG_20151209_100208514_HDR
Olá minha gente !! Apesar dos meus longos sumiços eu não esqueci do blog, minha vida só estava muitíssimo corrida e eu não estava conseguindo administrar tudo, peço mil perdões. No fim do ano, farei um post sobre alguns projetos que pensei para o novo ano e dessa vez eu prometo cumprir todos ! Hahahaha.

Sem muito blá blá blá, vamos ao que interessa. Eu fui na bienal do livro esse ano ~aqui no RJ~, confesso que tinha um lista enorme de livros que eu queria adquirir mas infelizmente eles estavam com os mesmos preços que você encontra nas lojas normalmente e isso me desanimou, até que encontrei O amor mora ao lado por vinte reais e comprei na hora achando estar fazendo um bom negócio, sendo que o livro está saindo a quinze reais em algumas livrarias aqui fora ~chorando~.

IMG_20151209_100245418
Eu li o livro essa semana e logo nas primeiras páginas comecei a me identificar com a personagem principal, a Lacey, porque no meio do furacão de sentimentos que ela estava vivendo, ela decide comprar uma gata para lhe fazer companhia (sou eu como personagem, haha). Sem falar nos micos que ela paga, sem comentários, hehehe.

Mas vamos para a história. Após um divórcio doloroso , Lacey se muda para um apartamento em São Francisco e passa a morar com a sua gata, Cléo. Logo no dia da mudança ela mexe com o coração do seu novo e charmoso vizinho, Jack, mas depois do seu desastre amoroso, ela decide que tudo que ela menos precisa é um homem em sua vida, quanto mais seu vizinho, que aparenta ser do mesmo jeito que seu ex-marido. Mas, seu primeiro ato de coragem (primeira vez que ela deixa de ser uma molenga, como ela mesma diz, haha) muda totalmente todo esse cenário e sua vida (e a da Cléo também !).

IMG_20151209_100430236
Sobre o livro eu tenho a dizer que apesar de ter uma história previsível, ela é legal, a linguagem é simples e acho que amantes de gatos vão gostar (e pessoas que sofreram alguma desilusão amorosa também).

IMG_20151209_103235589
~ De 5 a 0 eu daria 3 para o livro :p.

~Espero que tenham gostado e até a próxima :*.

Resenha: Bear

IMG_20150129_175642119_HDR

Gente, eu sou apaixonada por esse livro, tanto pela aparência, quanto pela história. Bom, o livro é em forma de HQ (história em quadrinho, hehe) e nada mais é do que uma junção de algumas tirinhas da Bianca, a autora, que ela posta em seu tumblr. Então meio que você pode ler o volume 1 completo no site dela (esse aqui) e ainda algumas páginas que ela já postou do volume 2 (ela posta uma página nova toda terça-feira), eu não li nenhuma porque prefiro o livro físico mesmo, mas se você não tem essa, vai lá e curte.

IMG_20150129_180232498

A história é super fofinha, os personagens também, meio que não dá vontade de fechar, hahaha. Vamos lá, tudo começou quando Raven se perde de seus pais, e vai inocentemente pedir ajuda a um urso que ela encontrou na floresta. Apesar de resistir a primeira vista, Dimas (o urso) resolve ajudar a pequenina e então eles seguem uma jornada por todos os reinos vizinhos em busca do lar e dos pais da menina.

A princípio o livro parece completamente infantil, mas não é, a linguagem é bem despojada e não traz nenhuma lição, hahaha (ou traz, do tipo: Não siga uma borboleta até uma floresta, pois você se perderá). O livro é um tanto grande, me assustei quando chegou uma caixa imensa da saraiva pra mim, hahaha. A linguagem é super leve, ele possui só 60 páginas e é um livro pra você ler no finzinho de tarde e relaxar, rir um pouco, vale a pena ler.

Eu me controlei bastante na hora de tirar as fotos, porque fiquei com vontade de fotografar o livro todo, porque ele é MUITO fotogênico, hahaha.

IMG_20150129_180243061 IMG_20150129_180245838 IMG_20150129_180501707_HDR IMG_20150129_185114174_HDR IMG_20150129_180206462 IMG_20150129_181758306                                                                          Ragraqrenz ? Ununununu

IMG_20150129_180301901

~> Espero que tenham gostado e até mais :*

Resenha: Branca dos mortos e os sete zumbis e outros contos macabros

IMG_20150113_091622065

A resenha de hoje é quase menor que o título, hahaha. Hoje eu venho aqui mais para indicar o livro do que falar sobre ele, já que não pretendo dar spoiler sobre nenhum conto.

Branca dos mortos e os sete zumbis e outros contos macabros é um livro de crônicas de terror sobre os personagens que rodaram nossa infância. A ideia do autor é deixar os finais felizes e o tradicional de lado, dando desfechos imprevisíveis e aterrorizantes a todos os contos. Tem que ter bastante estômago para ler, já que em alguns contos tudo é contado em detalhes (tive até que parar de ler algumas horas e beber uma água, hahaha).

IMG_20150113_092542847

Ao longo do livro você encontrará, dos antigos contos de fadas: Branca de neve, João e Maria, Os três porquinhos, Chapeuzinho vermelho, Cinderela, Rapunzel, algumas lendas e etc.

Uma das coisas que mais me impressionou, é que Fábio Yabu (autor do livro) também é o criador de Princesas do mar (caso não conheça, é um desenho que passa/passava no Discovery kids), fiquei me perguntando como o criador de um desenho infantil consegue escrever algo tão aterrorizante, hahaha.

Mas enfim, se você se interessou pelo livro, olha que notícia boa: Tem um conto grátis tanto no site da saraiva, quanto no iBooks e na Play Store.

IMG_20150113_092318218IMG_20150113_092009689_HDRIMG_20150113_092614608_HDRIMG_20150113_092650958IMG_20150113_092712029_HDRIMG_20150113_092756801_HDR

~> Espero que tenham gostado e até mais :*.

O lado bom da vida: Filme x Livro

IMG_0974
Bem, faz tempos que tenho essa vontade de comparar os livros que possuem filme com os mesmos, porque todos nós sabemos que é bem difícil o filme seguir fielmente o livro, então vamos a resenha:

IMG_0973
Livro: Pat Peoples é um homem de 34 anos (ele faz 35 anos durante o decorrer da história) que era casado com uma professora de inglês chamada Nikki. Após um incidente, Nikki divorcia-se de Pat e ele vai parar no ‘lugar ruim’. Lá ele conhece Danny, um antigo rapper que sofreu um terrível ataque que o deixou impotente no mundo da música e eles se tornam grandes amigos. Um dia, Jeanie (mãe de Pat) consegue uma ação para tirá-lo do ‘lugar ruim’, então ele começa seu plano de se tornar um homem melhor para assim acabar com o que ele acredita ser o ‘tempo separados’.


No filme os acontecimentos acontecem de forma paralela. Não recomendo ler o livro antes de assistir o filme, porque a base da história certamente é a mesma mas todos os acontecimentos ocorrem de forma diferente, sinceramente não gostei nem um pouco. O que percebi foi que tentaram por tudo do livro no filme, mas esqueceram que um filme é apenas um resumo do livro, então era melhor ter cortado alguma parte não muito importante ao invés de modificar para tentar encaixar ou passar de forma rápida e confusa.

IMG_0969

O único ponto positivo do filme, para mim, foi o final. No livro o final também é feliz mas fiquei com a sensação de que faltou alguma coisa, mas isso não altera o fato do filme perder totalmente de goleada para o livro.

IMG_0968
IMG_0971
IMG_0970

Uma nota de 0 à 5: Para o filme 0,2 | Para o livro 4,8

~> Espero que tenham gostado do post, e hoje tem mais o/, hehe.

Resenha: Bob, um gato fora do normal

IMG_0615
Como eu sou um espírito completamente sem luz, comprei novamente outro livro do Bob, por mais que não mude nada a história (nesse livro a história é um pouco mais resumida, coisa de 20 páginas só), mas esse tem uma coisa que o outro não tem, mas vou mostrar só no final do post, hahahaha.

IMG_0633
Para quem não leu o outro post, o escritor James Bowen fala sobre sua vida, como foi sua luta contra as drogas e o que ele fez como seu ganha pão. Talvez você se pergunte, “o que um gato tem a ver com isso ?”, na história o Bob foi essencial para que ele tivesse vontade de se livrar das drogas e de não desistir nunca. O livro é muito bom para amantes de gatos, já que o James também conta sobre as travessuras dessa bola alaranjada que se tornou tão especial para ele. Nele você também aprende que não são só os cães que são amigos do homem.

IMG_0617
IMG_0618

Uma das coisas que me deixou com arco-íris nos olhos foram essas ilustrações de gatinhos nas páginas (e elas não repetem, tem ilustrações de gatinhos fazendo tudo quanto é tipo de coisa <3).

IMG_0625
IMG_0626

IMG_0627

Esse foi o motivo pelo qual comprei o livro, tem fotos coloridas do Bob no dia a dia, para alguns pode ser bobagem, mas ele é tão fofo <33, não me arrependo de ter comprado.

IMG_0620
IMG_0629

Lembram do DIY ensinando a fazer marcador de livros com caixa de pasta de dentes ? Pois então, esse foi meu segundo marcador, não ficou muito lindo porque eu não sei desenhar uma cabeça perfeita de gato, hahaha, mas até final do ano eu faço um belo marcador, me aguardem.

IMG_0630

~> Espero que tenham gostado e que voltem mais vezes. Beijos ;).